O QUE VOCÊ PLANEJA FAZER COM SUA ÚNICA VIDA?

UM PEDACINHO DE MUNDO MUDADO.

Não sei se é só um clichê de final de ano acordando, mas gosto bastante de fazer retrospectivas - do dia, da semana, do ano. E sempre quando as faço, é impossível não me questionar sobre a diferença que ando fazendo no mundo.

A gente anda tão intimidado com o tamanho dele, que acabamos nos sentindo pequenos para tal tarefa e nos esquecemos das coisas simples que estão ao nosso alcance.

Será que estou sendo alívio para o cansaço dos que me cercam? Ainda consigo me preocupar com os problemas dos meus queridos, mais do que com os meus? Faço questão de dizer a eles o quanto são importantes para mim?

Meus amores sabem que são amados? Eu ainda olho nos olhos? Dou bom dia para o motorista do ônibus, mesmo não recebendo um cumprimento de volta? Sorrio para aquele frentista que abastece meu carro todo dia ou só o ignoro como todos que passam por ali? Eu ainda dou flores e mando cartas? Ainda sei pedir por favor e obrigado?

O simples faz muita diferença sim. E quando a gente se propõe a fazê-lo, talvez não estejamos mudando o mundo inteiro, mas já estaremos mudando o mundo dos que passam por nós, não é? E isso basta. Já é um pedacinho de mundo mudado.

Autor: Richard de Assis, membro da colônia Antility de Brasília.