fotografar

VOLTA AO MUNDO EM 14 DIAS

UM CONCURSO DA MOMENT NO INSTAGRAM

Junte-se ao concurso de foto #makeyourworldbigger e você pode ganhar até 3.000 dólares e viajar o mundo.

Antes do dia 16 de Agosto, publique uma foto no Instagram que foi tirada com seu celular e conte porque o lugar, as pessoas ou a cultura registrada desafiaram o jeito que você olha para o mundo. Marque a foto com o perfil @moment, use a hashtag #makeyourworldbigger, e coloque o local que a foto foi tirada.

Os instagrammers @pketron, @jontaylorsweet e @filmandpixel vão selecionar os finalistas, baseado na qualidade visual da foto e na profundidade da história, que deve transmitir o impacto causado na maneira que você enxerga o mundo.

Quatro finalistas irão receber cerca de 1.000 dólares em prêmios da @moment, @onabags, @artifactuprising e @VSCO.

O grande vencedor receberá 2.000 dólares de subsídio da Delta Airlines e do Airbnb, bem como a impressão da Artifact Uprising e 7 pacotes de edição do VSCO.


EXEMPLO

"Já se passaram alguns meses desde minha viagem para Havana, mas os sons e vistas da cidade ainda estão comigo. Em um instante, eu posso me levar de volta às ruas movimentadas da cidade, sentir o ar quente, empoeirado com cheiro de escapamento e ouvir o grito do vendedor de pão chamando atenção para que sua presença seja notada. Eu fecho meus olhos e sinto o estrondo dos carros antigos circulando, ouço a música vindo de uma porta aberta por perto e o espírito de diversão de um grupo de dançarinos me convidado para uma salsa rápida."

"Já se passaram alguns meses desde minha viagem para Havana, mas os sons e vistas da cidade ainda estão comigo. Em um instante, eu posso me levar de volta às ruas movimentadas da cidade, sentir o ar quente, empoeirado com cheiro de escapamento e ouvir o grito do vendedor de pão chamando atenção para que sua presença seja notada. Eu fecho meus olhos e sinto o estrondo dos carros antigos circulando, ouço a música vindo de uma porta aberta por perto e o espírito de diversão de um grupo de dançarinos me convidado para uma salsa rápida."


REGRAS DO CONCURSO

Cronograma:

- As inscrições foram abertas no dia 2 de Agosto, 2016 às 12PM (PST).

- As inscrições serão fechadas no dia 16 de Agosto, 2016 às 12PM (PST).

- Os quatro finalistas serão anunciados perto do dia 23 de Agosto.

- O grande vencedor será selecionado por votos dos quatro finalistas.

Direcionamentos:

- Publique sua foto e marque antes do dia 16 de Agosto às 12PM (PST).

- Use o perfil da @moment e a hashtag #makeyourworldbigger na legenda.

- Marque a localização onde a foto foi tirada.

- Escreva 2 ou 3 sentenças na história que conta como o lugar, as pessoas ou a cultura capturada na foto desafiou o jeito que você olha para o mundo.

Cada foto inscrita deve ser:

- Tirada com um celular.

- Apenas sua e publicada na sua própria conta do Instagram.

- Publicada e tagueada durante o período do concurso.

- Não violar os Termos de Uso e Guia de Comunidade do Instagram.

Você pode inscrever até 3 fotos, desde que cada inscrição seja única, tanto a foto quanto a legenda. A foto deve ser publicada durante o concurso e não serão aceitas tags em fotos antigas.

Prêmios:

Cada um dos quatro finalistas vão ganhar:

- Kit de fotografia mobile da Moment - Valor: 600 dólares

- Ona "The Claredon" Bag - Valor: 160 dólares

- Impressões da Artifact Uprising - Valor: 100 dólares

- 1 pacote de filmes do VSCO

O grande ganhador irá receber:

- Um voucher de 1.000 dólares da Delta Airlines.

- Um vale-presente de 1.000 dólares do Airbnb.

- Impressões da Artifact Uprising Prints no valor de 250 dólares.

- 7 pacotes de filmes do VSCO.

- Um artigo destaque no Momentist.

As regras completas estão aqui.

Estamos ansiosos para ver a colônia participando deste concurso.

Texto original publicado no Momentist.

 





ENTRE PARA A ACADEMIA VSCO

APRIMORE AS FOTOS DO SEU CELULAR

O novo VSCO está ainda mais focado no que a comunidade está criando e para dar uma força, lançou uma Academia com lições sobre fotografia mobile.

Toda semana, a Academia VSCO explora diferentes tópicos, desde fotografar pessoas até como encontrar beleza em coisas do dia-a-dia. Para ver as lições de Max e Katy aplicadas na prática, explore os destaques da hashtag #ACADEMY no VSCO.

Os vídeos são curtos, diretos e bem-humorados. Vale dar uma olhada:

Fotografando pessoas - Episódio Completo

Do lado de fora - Episódio Completo

Toda quarta-feira tem uma lição nova. O VSCO já contou um pouco sobre os novos espisódios aqui. Siga as dicas e use a hashtag #ACADEMY nas suas fotos.

Como em qualquer rede social, estar ativo ajuda a ser reconhecido. Continue criando, reinventando, desconstruindo e publicando, o mundo precisa te ouvir.

 





PRETO É A COR DO MOMENTO

O #INSTAMEETBLACK VIROU TENDÊNCIA

Até parece editorial de moda, mas é sobre a terceira edição do #InstameetBlack. O movimento que teve início no ano passado, contou com a participação de 8 cantos do globo e 18 lugares no Brasil.

#InstameetBlack em Amsterdã.

#InstameetBlack em Amsterdã.

Dessa vez, alcançamos Viena, Japão, Amsterdã, Uzubequistão, Honduras, Guatemala, invadimos o México, passamos por Playas de Tijuana, Aguascalientes, Ciudad de Mexico, Orizaba, Xalapa. E vários lugares do Brasil, como São Paulo - SP, Campinas - SP, Fortaleza - CE, Brasília - DF, Manaus - AM, Goiânia - GO, Belo Horizonte - MG, Campo Grande - MS, Campina Grande - PB, Curitiba - PR, Recife - PE, Juazeiro - BA, Rio de Janeiro - RJ, Natal - RN, Porto Alegre - RS, Nova Tentro - SC e São Francisco do Sul - SC.

O que mais chamou a atenção nesta edição não foi as fotos em si, mas a conexão que se fortaleceu entre quem participou. Quando estamos sozinhos, esquecemos que pode ter alguém querendo o mesmo que nós bem ao nosso lado.

A chuva forte não espantou as mais de 30 pessoas que apareceram no Distrito de Paranapiacaba, em São Paulo. Em Brasília, o #InstameetBlack virou uma grande aventura, resumida no vídeo do Lucas Viniciús. O Claudio Ebson e o Alcimar Verissimo montaram um IMB humano com quem participou no Recife. Do Amazonas ao Rio Grande do Sul, o pretexto era fotografar todos vestindo preto, mas o propósito continua sendo cada vez maior.

#InstameetBlack em Recife, Pernambuco.

#InstameetBlack em Recife, Pernambuco.

O movimento não acaba quando o último clique é dado, ele permanece dentro de cada um que resgatou a roupa preta no guarda-roupa e esteve disposto a quebrar fronteiras. Não estou falando de linhas imaginárias que dividem territórios, mas das cercas que circulam nossa cabeça, reflita sobre o quanto você pode alcançar se tentar quebrá-las.

Um dia você pode estar aqui e no outro, passando 8 horas em Amsterdã. Sempre vai haver alguém para nos conectarmos. Perto ou longe, cultive desde já.





O NOVO VSCO CHEGOU PARA FICAR

DESCUBRA COMO APROVEITAR AS NOVAS FUNÇÕES.

Desde que o novo VSCO foi apresentado, muita gente ficou em dúvida sobre como ele vai funcionar. Resolvemos mostrar o que mudou.

COMUNIDADE

O VSCO sempre valorizou o senso de comunidade, lembra da primeira vez que você usou a hashtag #VSCO? O que começou apenas como um app de edição de fotos, acabou virando um lugar para criar, descobrir e conectar paixões.

O novo VSCO foca igualmente na criação e descoberta. Agora podemos navegar de forma integrada entre o espaço de publicar e editar. Além de ficarmos ainda mais próximos de quem seguimos.

Continue tirando fotos com os controles avançados da câmera nativa do VSCO.

Continue tirando fotos com os controles avançados da câmera nativa do VSCO.

Descubra fotos incríveis de pessoas que você segue e no VSCO Originals. Procure por perfis específicos e conteúdos selecinados pela comunidade.

Descubra fotos incríveis de pessoas que você segue e no VSCO Originals. Procure por perfis específicos e conteúdos selecinados pela comunidade.

Conecte-se com a comunidade do VSCO. Encontre e siga amigos e pessoas do mundo inteiro.

Conecte-se com a comunidade do VSCO. Encontre e siga amigos e pessoas do mundo inteiro.

O passo-a-passo abaixo vai mostrar um pouco melhor sobre como tudo está funcionando.

Agora que você já sabe como novo VSCO funciona, que tal manter suas publicações em dia por lá também?

Sempre existe alguém olhando para o que estamos fazendo. Você pode ser o próximo grande creator.





POR QUE AS PESSOAS PARARAM DE REVELAR SUAS FOTOS?

Quase tudo pronto para minha viagem da virada, estou ansioso para chegada de 2003, quero lembrar de cada momento que vou passar com meus amigos. Ah! Falando nisso, quase esqueço, ainda preciso passar num bazar e comprar um filme para a minha máquina fotográfica. Acho que vou comprar 2 filmes de 36 poses, afinal, ocasiões especiais pedem muitas fotos, não acha?

Já estou imaginando, durante a viagem, não vão faltar momentos para registrar: eu e meus amigos na frente da casa de praia, aquele pôr-do-Sol, a galera em volta da mesa, os fogos. Vou deixar tudo preparado, para não correr o risco de queimar nenhuma foto, acontece, né?

Para quem não vivenciou esta época, acredite se quiser, era normal comprarmos um filme, registrarmos com todo cuidado todos os momentos importantes e revelarmos depois. As fotos ficavam expostas em nossa casa, álbuns, não era preciso ir até o museu ou galeria de arte para apreciá-las. Ok, fui um pouco longe, mas me acompanha. Olhando alguns anos atrás, conseguimos notar o quanto evoluímos.

Lembra o quão inovador foi quando aquele celular de flip começou a tirar fotos? Hoje, câmeras fotográficas e celulares, estão quase virando uma coisa só.  Fotografamos de tudo, até aquilo que não precisa ser fotografado, privacidade está virando lenda. Por um lado, a foto nunca esteve tão no centro das atenções quanto está hoje, mas por outro, ela nunca foi tão desvalorizada. Bom, estou aqui justamente para te convencer do contrário.

Tudo fica documentado numa tela, se não é na tela do smartphone, é na tela do computador, da máquina fotográfica profissional ou projetada numa TV para a família ver como foi sua última viagem, mas calma, só mostramos apenas uma parte das 2.000 fotos que tiramos. Muitas vezes, usamos a velha desculpa do "foi só para registrar", mas no fundo, sabemos que nunca vamos voltar a vê-las novamente.

Você lembra como era ou já teve a sensação de mostrar um álbum de fotos para alguém? Contar as histórias de cada foto, ter a sensação de pegar um registro que traz boas lembranças nas mãos? Colocá-los num porta-retratos ou até mesmo presentear alguém querido?

Por um bem maior, vamos revelar algumas fotos dos gatinhos que tiramos na ONG Adote um Gatinho e expor no Rolê das Patas, com o apoio da galera do Nicephotos, que ainda prezam por bons momentos fora de uma tela.  

Então, tenho um convite para você: todo mês, selecione suas fotos preferidas, revele, faça um fotolivro, dê de presente ou simplesmente, deixe em algum lugar que você possa apreciar.

É apenas mais uma forma de eternizar sua arte ou simplesmente, despertar boas memórias e sensações.

Você vai se surpreender com o poder de uma foto fora da tela de um computador.